Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bike Azores

A visão de um ciclista açoriano sobre as bicicletas e o ciclismo.

10.12.19

Nova “fixie”!

Gloria Magenta


Rui Pereira

Um amigo disse-me que tinha visto uma “fixie”, numa loja onde raramente vou. Não liguei muito. Mais tarde, vi uma que correspondia à sua descrição, numa outra loja.
Chamou-me atenção, mas achei estranha. Uma espécie de cruzamento entre uma carreto fixo e uma pasteleira!
Pensa, não pensa. Vê, analisa. Tira fotografia. Pesquisa…
Tem alguns pormenores “engraçados”. É um investimento relativamente baixo. É uma boa base para personalizar, até porque tenho algum material sem uso que posso utilizar. É Natal...
Fui buscá-la!

gloria.jpg

09.12.19

À porta de casa!


Rui Pereira

No sábado à noite, o meu vizinho veio pedir-me a bomba para encher os pneus da sua bicicleta. Ia andar cedo, no dia seguinte.
Enquanto o via dar à bomba, questionava-lhe sobre o passeio. Um pequeno grupo de entusiastas descontraídos que se juntam às oito da manhã de domingo, com as suas bicicletas de BTT, para pedalar. Ponto de encontro, mesmo aqui ao lado!
«Olha, se calhar vou com vocês!»
Fui.
Convívio, pedaladas, novos percursos, divertimento.
A última vez que ia sair em grupo tive um furo e fui mordido de boleia para casa. Desta vez, não. E fui preparado para o efeito.
É mais uma alternativa para os meus passeios de domingo. Quase à porta de casa!

06.12.19

10 anos!


Rui Pereira

fsxr_xc_draw.jpg





Há 10 anos troquei de bicicleta!
Grande diferença. Alegria.
Estava muito próxima, até porque não havia alternativas.
Depois, outras apareceram...
Relegando-a para segundo e terceiro plano.
Mudaram as circunstâncias, mudaram os objetivos.
De vez em quando, aparecia. Ocasionalmente, aparece.
Tem 10 anos e muita coisa mudou.
Mas isso não me faz impressão!
Continuo a usá-la. Continuo a gostar muito dela.
Sem complexos!
O gozo que me dá mantém-se praticamente intocável.
Cá está.
Para durar...
E durar!

 

06.12.19

Levo-a...


Rui Pereira

Olho para ela.
Nos olhos, para o seu corpo.
Ela fala…
Ouço-a. Sinto-a.
Observo os seus pormenores.
Ela explica-se…
Gesticula.
Sou bom ouvinte.
Ela sabe…
E desabafa.

Ela tem caráter.
O seu feitio.
Adapto-me…
Às vezes, em esforço.
Ela tanto dá luta,
Como se deixa levar.
Sou gentil,
Mas imponho a minha vontade.
Sou cuidadoso…
E levo-a.

Levo a minha bicicleta.
A minha bicicleta leva-me.

04.12.19

Preguiça, paradoxos e motivação


Rui Pereira

Ando preguiçoso. Tenho pelo menos uma bicicleta a precisar de atenção e nunca mais chega ao dia. Não são cuidados especiais, mas apenas limpeza e lubrificação básicas, que têm sido continuamente adiadas. Já lá vão semanas…
Não gosto de andar com uma bicicleta que não esteja minimamente em condições. O mesmo acontece com o carro ou a mota. Tenho um certo gosto em fazê-lo como deve ser. Até porque quando não acontece a tendência é para ir abandalhando cada vez mais. Não é para mim. Mas é o que tenho feito…
Desculpo-me com, “são muitas bicicletas!”, mas ando sempre a pensar em ter mais uma… Paradoxos da vida!
Ando preguiçoso. Ou tenho andado pouco inspirado, ou com falta de temas para abordar. Este blogue merecia mais atenção. Às vezes, dou por mim com pensamentos negativos a seu respeito. E decido afastar-me. Não por muito tempo, porque…
Vocês, que me acompanham nesta jornada virtual, não me facilitam a vida!
Seja com uma reação, um comentário, uma ligação, uma dedicatória, uma nomeação, um destaque, que me faz rever a minha postura e inverter a minha decisão.
Se tivesse quem me motivasse desta maneira para a limpeza e manutenção da(s) bicicleta(s), já a(s) tinha em condições há muito tempo!

03.12.19

Mais um domingo, mais um passeio...

De BTT


Rui Pereira

fsrxc_ribeira.jpgSaí com a ideia de levá-la aonde nunca tinha ido. Pelo caminho, fui passando por locais velhos conhecidos.

FSRxc_calcada.jpg
Uma bela manhã domingo e a polivalência de uma bicicleta de todo-o-terreno, onde os pisos variaram entre asfalto, terra e calçada sem grandes constrangimentos.

FSRxc_caldeira.jpg
A água acabou por ser uma presença constante. Esta é quente e termal, das Caldeiras...

FSRxc_praia.jpgFaltou o registo da visita à cascata, o maior desafio do percurso, mas não faltou o do mar, do norte!

Pág. 2/2