Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Bike Azores

A visão de um ciclista açoriano sobre as bicicletas e o ciclismo.

10.09.08

Calma na estrada, sff…


Rui Pereira

Porra! Fiquei desiludido comigo mesmo!
Face a uma serie de adversidades, reagi da pior forma à maior parte delas. Parece que perdi os meus princípios, a minha verdadeira maneira de ser.
Dormi mal, literalmente com os pés de fora, a caminho do escritório, deparo-me com filas de trânsito de fazer tremer o mais calmo dos seres!
Fogo, saíram os carros todos à rua hoje, ou quê?!
Impaciente, chateado, aborrecido, empenhei a minha condução à “artista” na mota!
...
A tarde foi-se, porreiro! Casa.
Casa?! Calma, a procissão ainda vai no adro! Se de manhã as filas eram "jeitosas", agora nem se fala! Porra, e agora?! Passa o “artista” novamente para os comandos… Não há alternativas, está tudo “entupido”, não dava para passar, só mesmo com manobras... parvas!
Que caraças, lá cheguei a casa com um misto de arrependimento e sentimento de culpa.

És tolo pá?!
Quem é que paga a gasolina e os pneus desta merda?!
Quem é que fica com má imagem, parvo?!
Quem é que paga as multas em caso de ser apanhado a fazer estas merdas?!
Quem é que paga o arranjo em caso de acidente, estúpido?!
E principalmente, quem é que põe em perigo a si e aos outros?!

Porra, sou eu!!!