Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bike Azores

A visão de um ciclista açoriano sobre as bicicletas e o ciclismo.

18.11.16

Pasteleira


Rui Pereira

Ela é incansável, não reclama, não cede. Pelo menos até hoje ainda não cedeu. Leva carga, carrega-me, desloca-me. Vai para onde a levo, vai para onde quero ir. É fiel, disciplinada, sossegada. Ajuda-me. Cumpre a sua função. É indiferente às condições meteorológicas. Quando estou com ela está lá para mim, quando a deixo sozinha fica lá à minha espera. A minha pasteleira é linda!

 

orbita classic.jpg

1 comentário

Comentar post